Ajuda para a MetaTrader 5 iPhone/iPad

Índice de Força Relativa

Índice de Força Relativa

O Indicador Técnico Índice de Força Relativa (RSI) é um oscilador que acompanha os preços e que varia entre 0 e 100. Ao descreve o Índice de Força Relativa, J. W. Wilder recomenda utilizar sua versão de 14 períodos. Desde então, os períodos de 9 e 25 do Índice de Força Relativa também ganharam popularidade. Um método popular de analisar o RSI está em buscar por uma divergência na qual o ativo está atingindo novas máximas, porém, o RSI não está conseguindo superar sua máxima anterior. Esta divergência é uma indicação de uma reversão iminente. Quando o Índice de Força Relativa muda e cai abaixo de sua mínima mais recente, é dito que houve uma "falha no swing". A "falha no swing" é considerada uma confirmação da reversão iminente.

Os seguintes sinais do Índice de Força Relativa são usados ​​na análise gráfica:

  • Topos e Fundos
    O Índice de Força Relativa normalmente forma um topo acima de 70 e um fundo abaixo de 30. Ele geralmente faz esses topos e fundos antes do gráfico de preços.
  • Formações Gráficas
    O RSI frequentemente forma padrões gráficos, como cabeça e ombros, ou triângulos que podem ser ou não ser visíveis no gráfico de preço.
  • Falha no Swing (rompimento de suporte ou resistência)
    Este é o lugar onde o Índice de Força Relativa ultrapassa a máxima anterior (topo) ou cai abaixo de uma mínima anterior (fundo).
  • Níveis de suporte e resistência
    O Índice de Força Relativa exibe, às vezes de forma mais clara do que o próprio preço, os níveis de suporte e resistência.
  • Divergências
    Como discutido acima, as divergências ocorrem quando o preço faz uma nova máxima (ou mínima), que não é confirmada por uma nova máxima (ou mínima) no Índice de Força Relativa. Os preços geralmente se corrigem e se movem na direção do RSI.

Índice de Força Relativa

Cálculo

Esta é a principal fórmula de cálculo do Índice de Força Relativa:

RSI = 100 - (100 / (1 + U / D))

Onde:

U – o valor médio da variação dos preços positivos;
D – o valor médio da variação dos preços negativos.