A plataforma de negociação MetaTrader 5 agora vem com cobertura

MetaQuotes Software Corp.

24 abril 2016

A empresa MetaQuotes Software Corp. liberou hoje a nova versão da plataforma de negociação MetaTrader 5 build 1325. A sua principal característica é o surgimento do sistema de cobertura de registro de posições, que já é conhecida pelos usuários da plataforma MetaTrader 4. Agora, na plataforma é possível implementar o assim chamado “bloqueio”, abrindo posições na direção oposta segundo um mesmo instrumento financeiro.

A plataforma de negociação MetaTrader 5 agora vem com cobertura

A nossa equipa de desenvolvedores eliminou a última barreira no que respeita à transição dos traders e corretoras para a MetaTrader 5, ou seja, a ausência de cobertura. Isto altera seriamente o equilíbrio de poder no mercado, conseqüentemente, já não há mais as razões para permanecer na MetaTrader 4. Agora, os traders podem usar o conhecido bloqueio na MetaTrader 5, acessando todos os benefícios da plataforma mais poderosa e veloz do mercado.

"Por que razão usar duas plataformas, quando você pode fazer tudo em uma? — indaga-se o CEO da MetaQuotes Software Corp. Renat Fatkhúllin. — A MetaTrader 5 não é apenas uma plataforma multimercado, agora ela leva em conta as características desses mercados. Para os traders que operam com ações, oferecemos o sistema de negociação com compensação, e para os que negociam no mercado Forex proporcionamos a habitual cobertura”.


Adicionamos à nova MetaTrader 5 a possibilidade de testar robôs de negociação e indicadores técnicos de acordo com o histórico de ticks reais. Isso aumenta a precisão dos relatórios sobre testes e otimização de robôs de negociação e reduz o risco de perda para os traders. Outra inovação da MetaTrader 5 é o bate-papo embutido. Agora, diretamente na plataforma, você pode entrar em contato com outros traders, discutir notícias financeiras e estratégias de negociação.


Além disso, o guia do usuário para MetaTrader 5 tornou-se muito mais útil. Isto foi conseguido graças à nova apresentação do material, ou seja, em vez de texto agora usam-se com muito mais frequência ilustrações, diagramas explicativos, imagens interativas e vídeos. O volume de texto diminuiu, no entanto aumentou a sua capacidade de informar.